sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Com tecnologia do Fla, Diego não sente adaptação ao futebol brasileiro

Na sintonia fina exibida neste momento pelo Flamengo, Diego é um maestro moderno. O meia disputou a terceira partida desde que chegou e, se não fez gol no Figueirense, impressionou pela intensa participação.
O desempenho é resultado da dedicação individual do atleta e da estrutura do clube. O investimento em tecnologia foi usufruído pelo jogador, que não sentiu adaptação após 12 anos na Europa.

— Planejei e trabalhei muito para estar em alto nível. O resultado começa a aparecer, é uma parceria que está dando muito certo. Esse clube é especial, mas tenho muito que evoluir — disse o camisa 10 na Copa Sul-Americana.

Depois da classificação, o jogador curtiu a folga com os filhos no Rio. Mas não deixa de se cuidar um dia sequer. O trabalho de preparação física é seguido à risca sob a coordenação do médico Márcio Tannure e do preparador físico Daniel Gonçalves. Em um time bem treinado, o meia virou a cereja do bolo e comemorou o triunfo de quarta-feira, antes de projetar um fim de ano animador.

— Temos a consciência da nossa qualidade. Coisas boas podem acontecer, mas prefiro continuar assim, jogo a jogo. O caminho é longo — ensinou o novo ídolo, que tem dois gols com a camisa rubro-negra.

Fonte: Extra

Um comentário:

  1. Zé Ricardo QUASE jogou fora dois pontos contra a Ponte.
    Gabriel e Everton produzem muito pouco. Gabriel fez o gol que se perdesse teria que rasgar a camisa e parar de jogar futebol. Depois acertou um cruzamento e foi só. NÃO AJUDOU NA MARCAÇÃO;
    Everton errou quase tudo, acertou um passe lateral no ataque e foi só:
    EVERTON TAMBÉM NÃO AJUDOU NA MARCAÇÃO;
    EVERTON E GABRIEL TEM FORO PRIVILEGIADO ? Cirino entrou, se esforçou, mas também não rendeu...Diego estava meio apagado...mas é normal, pois é difícil jogar bem com Gabriel e Everton do lado. Depois, quando Mancuello entrou, Diego começou a jogar melhor e Damião também. NÃO HÁ RAZÃO PARA ESCALAR GABRIEL E EVERTON. O Flamengo tem Mancuello, Cuellar, Felipe Vizeu e Fernandinho. Sei que é difícil, mas torço ainda para que Zé tenha bom senso e que PARE DE ESCALAR EVERTON E GABRIEL já contra o Vitória, pois será FUNDAMENTAL VENCER JOGANDO BEM para que o Flamengo ganhe moral contra o Palmeiras. Com esse desempenho que foi contra a Ponte, o Flamengo não vence o Palmeiras. O Flamengo tem time, estilo de jogo e elenco para derrotar o Palmeiras, MAS ZÉ RICARDO TEM QUE ESCALAR COM SERIEDADE E NÃO ESCALAR EVERTON E GABRIEL. O FLAMENGO PODE JOGAR EM UM NÍVEL DE QUALIDADE MUITO MAIOR. E PRECISA DISSO PARA SER CAMPEÃO. MAS ZÉ RICARDO, SE ESCALAR NOVAMENTE EVERTON E GABRIEL, PODERÁ VENCER O VITÓRIA, MAS COM MUITO APERTO, O QUE NÃO DARÁ MORAL PARA VENCER O PALMEIRAS, QUE SERÁ UM JOGO DECISIVO.

    ResponderExcluir